SUBMISSÕES

Visando garantir a ampla participação da sociedade para o fortalecimento da produção de conhecimento agroecológico, a Comissão Técnico-Científica (CTC) do XI CBA anuncia a prorrogação do prazo de submissões de trabalho até o dia 05 de julhopodendo ser enviados em três formatos diferentes: trabalhos científicos, relatos de experiência técnica e relatos de experiência popular - em texto e/ou vídeo.

São considerados trabalhos científicos os resumos expandidos que contenham resultados de pesquisas e estudos ou ensaios teóricos inovadores, enquanto apenas os relatos de experiência técnica devem descrever projetos e/ou ações desenvolvidas por instituições de ensino, pesquisa ou extensão, em parceria com a sociedade civil, propondo também uma análise mais profunda e conceitual de sua contribuição para a Agroecologia.

Já os relatos de experiência popular devem ser apresentados pelas(os) próprias(os) agricultoras, agricultores, comunidades e povos tradicionais ou organizações sociais, trazendo vivências contextualizadas segundo os princípios da Agroecologia. A convocatória sobre a submissão de relatos de experiência popular em vídeo será lançada nos próximos dias e amplamente divulgada.

O envio dos trabalhos deverá seguir as orientações descritas no documento anexo (Normas para submissão de trabalhos - XI CBA) e ser submetidos exclusivamente através do site da Revista Cadernos de Agroecologia, pelo link http://cadernos.aba-agroecologia.org.br/index.php/cadernos. Disponibilizamos um pequeno passo a passo de como realizar a submissão. Mas, caso tenha dúvidas, nos escreva: secretaria@aba-agroecologia.org.br ou ctc.xi.cba@gmail.com.

A descrição detalhada do formato de submissão dos trabalhos científicos e relatos, bem como os eixos temáticos, período de submissão, modelos de trabalho e demais informações encontram-se nos documentos abaixo.






Com o objetivo de garantir a participação de povos indígenas, comunidades tradicionais e as organizações sociais no XI CBA e a democratização da produção do conhecimento científico, a comissão organizadora do congresso também receberá relatos de experiência popular no formato de vídeo. O edital, as normas e demais documentos seguem ao final.

“Firmamos uma parceria com a TV UFS para o recebimento dos vídeos e os mesmos devem ser submetidos através da plataforma Youtube. É uma novidade para nós, e, como envolve definições técnicas e critérios específicos para submissão e aprovação dos vídeos, é uma metodologia que demanda mais tempo. Por isso, preferimos adiar um pouco a abertura para submissão dos trabalhos em vídeo, visando garantir um processo qualificado e sem ruídos na comunicação”, explica Amaury. 

Normas de submissão


Os vídeos devem ser gravados na posição horizontal com duração de até 5 minutos, trazendo a força, riqueza e diversidade da experiência – seja anúncio ou denúncia. Instigar a nossa criatividade ao compartilhar nossas histórias, que pessoas fazem parte dela, de que maneira se envolvem, como ela dialoga e se relaciona com o dia a dia da comunidade onde está inserida.

Os materiais produzidos devem ser encaminhados para o e-mail produtora.ufs@gmail.com até o dia 19 de junho de 2019, seguindo as normas do edital e junto ao Termo de Cessão de Imagem devidamente assinado por todos/as os/as que participam do vídeo. As normas para submissão e o termo de cessão de imagem estão disponíveis ao final deste texto.

Os vídeos serão avaliados pela Comissão de Curadoria dos Relatos de Experiência Popular em Vídeo, cujo e-mail para contato é o curadoriadevideos.cba@gmail.com